segunda-feira, 20 de maio de 2013

Entenda a Greve de Ônibus de Jundiaí





A Greve é uma das maneiras de busca dos interesses da classe trabalhadora. Paralisar a força coletiva de trabalho com o objetivo pressionar a classe patronal a posicionar-se numa mesa de negociações.



A classe patronal –empregador- se recusa a conceder o aumento que a classe trabalhadora quer e oferece 9 % ao invés dos 17 % reivindicado.

Com a recusa da classe patronal, a classe trabalhadora se reúne em assembléia no Sindicato e opta pela paralisação da força de trabalho.



A partir de um momento em que se paralisa um serviço essencial para a população outros setores da sociedade passam a ser coadjuvantes. Em Jundiaí o poder executivo deve se pronunciar e, se caso for, tomar os serviços para administrar até que a greve tenha fim.

Muitos usuários reclamam do preço da passagem e estamos diante de uma situação que o valor da passagem poderá sofrer reajuste.

Recentemente tivemos aumento de preço dos combustíveis e com a reivindicação do aumento de salário da classe trabalhadora dificilmente os valores da passagem de ônibus continuará o mesmo.

O maior prejudicado com tudo isso é a população que depende do transporte coletivo para se locomover, para ir ao trabalho ou para ir a um hospital, a população esta sendo prejudicada.


Nenhum comentário:

Postar um comentário